Luís Monteiro

Luís Monteiro

Museólogo. Investigador no Centro de Estudos Transdisciplinares “Cultura, Espaço e Memória”, Universidade do Porto

O chavão da “Autonomia responsável”, tornado estratégia de marketing por Manuel Heitor sempre que questionado sobre qualquer problema, não é mais do que um mantra que traz consigo consequências nefastas.

Por que razão deve o campo político da esquerda socialista resgatar socialmente o museu, estruturalmente visto como instrumento de opressão? Artigo de Luís Monteiro, publicado na revista Esquerda.

O Governo anunciou um conjunto de medidas excecionais que enquadram o funcionamento deste último período letivo. Entre várias matérias, houve uma decisão importante sobre os exames nacionais e o acesso ao Ensino Superior.

Em Portugal, a cultura científica é ainda escassa. Que isso seja uma realidade que precisa de ser combatida, estamos de acordo. Que o próprio Ministério da Ciência, Tecnologia e Ensino Superior sofra de falta de ação pelas mesmas razões, é mau.

Com a pandemia do covid-19, os Liberais acordaram Intervencionistas. Em 2008 foi igual e o fim desse episódio não foi muito bom. O debate está lançado: o Estado tem de intervir? Sim. Mas onde e como?

A comemoração do Dia do Estudante foi marcada por campanhas de conteúdos em instastories e tweets por parte da comunidade estudantil. Os tempos assim o exigem, mas nem por isso se baixou os braços naquilo que é a exigência dos nossos dias: suspensão do pagamento de propinas.

Sex Education é uma boa série. Atores de uma nova geração, um argumento pedagógico e uma produção bem 80’s. Especificamente no nosso país, é mais do que isso: serve de serviço público que a Escola nunca teve na prática.

A proposta de Orçamento de Estado foi apresentada pelo PS como um documento de continuidade do trabalho dos últimos quatro anos. Um conjunto de factos que comprovam o contrário, como é o caso das propinas.

O que é que o espírito que advém da Cimeira Tecnológica tem de tão similar com a atual situação laboral no Ensino Superior em Portugal?

…, mas Manuel Heitor foi reconduzido como Ministro. Mas não é esse o tema desta chamada de atenção. Analisemos o Programa de Governo na área do Ensino Superior e da Ciência, ainda que o exercício, bem sei, peca por repetitivo.