You are here

Catarina Martins reúne com a Quercus sobre políticas ambientais

No dia em que a Assembleia da República debate o projeto de lei do Bloco de Esquerda sobre a Lei de Bases do Ambiente, a deputada Catarina Martins reuniu com o Presidente da Quercus para discutir o estado das políticas ambientais.
Foto da wikipedia

De acordo com o responsável da associação ambientalista, tarda a intervenção deste Governo em matéria ambiental. A profunda reestruturação, extinção e fusão dos serviços anunciada pelo Ministério de Assunção Cristas ainda não terminou e existe uma enorme indefinição no futuro das políticas ambientais que estão há 9 meses sem avançar.

A deputada Catarina Martins defendeu na reunião a importância de uma Lei de Bases Ambiente (aceda ao ), tendo em conta que a atual já tem mais de 25 anos e não responde aos desafios ambientais que hoje enfrentamos, como o aquecimento global ou as alterações climáticas.

A iniciativa do Bloco de Esquerda, defende uma nova lei dos solos, que combate a especulação imobiliária, uma nova política para a água que impeça a sua privatização e que garanta um patamar mínimo de consumo que para todas as pessoas, independentemente das suas capacidades económicas.

Esta Lei de Bases do Ambiente que proíbe o uso da energia nuclear e que defende a aposta estratégica nas renováveis, é discutida no mesmo dia em que é apresentado mais um manifesto em favor da energia nuclear. No debate em plenário a deputada Catarina Martins foi clara: "A lição de Fukushima deve ser suficiente, se outras faltassem, para não admitirmos os riscos ambientais e para as pessoas e bens que o nuclear acarreta".

Termos relacionados Ambiente
(...)