You are here

Trabalhadores da administração local: greve nacional a 20 de Setembro

O presidente do STAL, Francisco Brás, afirmou este sábado que os funcionários da administração local vão fazer uma greve nacional para travar “a ofensiva do Governo” contra a autonomia do poder local.
O STAL decidiu também fazer uma vigília de protesto entre 23 e 27 de Setembro, para além de realizar, a 29 de Setembro, concentrações de trabalhadores da administração local. Foto Paulete Matos.

A decisão foi tomada hoje num Plenário Nacional realizado em frente ao Ministério das Finanças, em Lisboa, tendo Francisco Brás garantido à Lusa que “os trabalhadores da administração local vão fazer uma greve nacional no dia 20 de Setembro, para protestar contra os ataques do Governo à autonomia do poder local e defender os direitos dos trabalhadores”.

“Exigimos que o Governo pare com as suas atitudes prepotentes e ilegais, bem como os ataques que está a fazer ao poder local”, salientou.

O dirigente do STAL (Sindicato dos Trabalhadores da Administração Local), afecto à CGTP, explicou que os trabalhadores estão, durante esta tarde de sábado, a entregar as resoluções nas secretarias de Estado da Administração Local e da Administração Pública, em Lisboa.

O STAL decidiu também fazer uma vigília de protesto entre 23 e 27 de Setembro, para além de realizar, a 29 de Setembro, concentrações de trabalhadores da administração local que “convergirão em acção conjunta com os outros sectores da CGTP" nas jornadas de luta da Confederação Europeia de Sindicatos.
 

Termos relacionados Política
(...)