You are here

Ricardo Sá Fernandes processa Bragaparques

Ricardo Sá FernandesRicardo Sá Fernandes anunciou que vai apresentar uma queixa-crime contra o gerente da Bragaparques depois deste ter afirmado que foi o advogado que pediu dinheiro à empresa para financiar a campanha do vereador do Bloco de Esquerda, José Sá Fernandes. "O senhor Domingos Névoa, além de agente corruptor, é também um vigarista e será deduzida por mim a correspondente queixa-crime", afirmou Ricardo Sá Fernandes  

Segundo a agência Lusa, o gerente da Bragaparques vai defender no processo em que é acusado de tentativa de corrupção que foi o advogado Ricardo Sá Fernandes quem lhe pediu 500 mil euros para financiar a campanha do irmão, José Sá Fernandes, para a Câmara de Lisboa.
 

Questionado sobre esta intenção, transmitida à Lusa por fonte ligada ao processo, Ricardo Sá Fernandes afirmou: "não contente com a tentativa de corrupção, o senhor Domingos Névoa ainda pretende lançar calúnias".

Para o advogado, que vai apresentar uma queixa-crime contra Domingos Névoa, «as gravações são inequívocas sobre quem propôs o quê a quem. Se o senhor Domingos Névoa diz que as coisas se passaram como se passaram então por que razão não quer que as gravações sejam utilizadas como meio de prova?»

A estratégia de Domingos Névoa, para tentar evitar a condenação por tentativa de corrupção, passa precisamente por alegar a ilegalidade da utilização das gravações como provas inseridas no processo.

José Sá Fernandes, vereador de Lisboa eleito pelo Bloco de Esquerda, classificou as acusações de Domingos Névoa de «ridículas», acrescentando que se trata de uma «maneira de tentar confundir as pessoas»  

Termos relacionados Política