You are here

Rafael Correa novo presidente

ESQUERDA VENCE ELEIÇÕES NO EQUADOR
Rafael CorreaO candidato de esquerda, Rafael Correa, venceu a segunda volta das eleições presidenciais do Equador. Com 40% dos cadernos eleitorais já contabilizados, o economista de 43 anos conta com 68% dos votos, mais do dobro do que os obtidos pelo seu rival, Álvaro Noboa, o cidadão mais rico do país. Apesar de todas as empresas de sondagens darem a vitória esmagadora a Rafael Correa - anunciando que o resultado final dará 56 a 57% dos votos ao candidato da esquerda -, Álvaro Noboa já anunciou que irá pedir a recontagem das urnas “para o bem do país”.
Veja abaixo o video da mensagem final de Rafael Correa 

Rafael Correa é mais um candidato da esquerda a vencer as eleições na América Latina, um continente a viver uma profunda transformação do mapa politico. Com um discurso fortemente crítico da administração norte-americana, Rafael Correia é visto como próximo politicamente de Hugo Chavez ou Evo Moralez.

Ontem, depois de se proclamar como o novo presidente do Equador, disse que das eleições de ontem não saíram nem “vencedores nem vencidos”, encarando o seu mandato como um “instrumento do poder cidadão”.  Mesmo assim, o candidato da Aliança País, não deixou de reafirmar que o resultado de ontem é a vitória de um projecto para “recuperar a pátria” e “sair da longa noite neoliberal”, apelando a todos os cidadãos de “mãos limpas” a juntarem-se à “revolução cidadã”.

Na campanha eleitoral, Rafael Correa, anunciou que o Equador não assinará o Tratado de Livre Comércio da América do Norte, um acordo de livre comércio que junta EUA, Canadá e México.

A confirmar-se oficialmente a vitória de Rafael Correa, deverá tomar posse a 15 de Janeiro de 2007. Será o oitavo presidente em 10 anos de profunda instabilidade política no Equador.

Veja o último tempo de antena de Rafael Correa antes das eleições.

{youtube}j7iNgXP-DKY{/youtube}

Termos relacionados Internacional