You are here

Palestina: Parlamento aprova governo de unidade nacional

Parlamento palestiniano hoje - Foto da LusaO parlamento palestiniano aprovou, por 84 votos a favor e 3 contra, o novo governo de unidade nacional. A sessão extraordinária do parlamento realizou-se hoje, em simultâneo e por vídeo-conferência, em Ramala na Cisjordânia e em Gaza, pois Israel não permite a circulação de alguns deputados e mantém 41presos. O presidente da Autoridade Palestiniana, Mahmoud Abbas da Fatah, apelou a que a comunidade internacional reconheça o novo governo de unidade nacional e suspenda o boicote económico.

"Este casamento de unidade nacional recebeu elogios do mundo árabe e da comunidade internacional, que nós esperamos ver transformados em passos práticos para acabar com este cerco", afirmou Abbas na abertura da sessão especial do parlamento palestiniano, que aprovou o novo governo.

Por seu lado, o primeiro-ministro, Ismail Haniyeh do Hamas, disse que o governo se esforçará antes de tudo por "estabelecer um Estado independente dentro das fronteiras anteriores à ocupação israelita de 1967" e reafirmou que o novo governo "respeitará os acordos assinados pela OLP", expressando assim um duplo reconhecimento implícito do Estado de Israel, no sentido das exigências colocadas pelo Quarteto para o Médio Oriente (ONU, EUA, União Europeia e Rússia), que tem exigido que o governo palestiniano reconheça Israel e rejeite a violência.

Abbas apelou a que os países árabes ajudem a convencer a comunidade internacional a terminar o boicote. O Egipto pediu hoje que o mesmo seja levantado. Israel, pelo contrário, reafirmou que não vai negociar com este governo.

Alvaro de Soto, enviado da ONU ao Médio Oriente, participou na sessão parlamentar e afirmou: "Este é um passo significativo na direcção certa".

Mustafa Barghouti, novo ministro da informação do governo palestiniano, informou que a Noruega reconheceu o novo governo e irá negociar com ele. Um diplomata norueguês na Cisjordânia confirmou a informação.

Termos relacionados Internacional