You are here

Mais 53% de recibos verdes durante o Governo Sócrates

Precariedade continua a aumentar em Portugal - Foto do Mayday de 2007O número de trabalhadores a recibo verde subiu 53% nos últimos quatro anos, ou seja, durante o Governo Sócrates. No último ano, o número de trabalhadores a recibos verdes continuou a subir, apesar da forte destruição de postos de trabalho, revelando que a precariedade continua a aumentar.

Quatro anos depois, no primeiro trimestre de 2009, esse número subiu para 81.000, um aumento de 53%, salienta o Jornal de Negócios na sua edição desta Segunda feira.

No último ano (entre o primeiro trimestre de 2009 e igual período de 2008) o número de trabalhadores a recibo verde subiu 7,4%. Neste período, o número de contratados a prazo baixou 4,4%, parecendo revelar que as empresas estão a substituir contratados a prazo por trabalhadores a recibo verde.

Segundo o jornal, o número de trabalhadores a recibo verde quase duplicou nos últimos dez anos.

Termos relacionados Sociedade