You are here

Crise na CML: vice-presidente suspende mandato

Carmona Rodrigues e Fontão de CarvalhoO vice-presidente da Câmara Municipal de Lisboa, Fontão de Carvalho, decidiu suspender o seu mandato por três meses na 6ª feira à noite, depois de 24 horas antes ter garantido que não o fazia, de ter recebido o apoio do presidente da CML à sua atitude e de o PSD ter ameaçado retirar-lhe a confiança política. Carmona Rodrigues volta a afirmar que existem "condições de governabilidade", o PSD reafirmou-lhe o apoio e elogiou a segunda decisão de Fontão de Carvalho, pela voz da presidente da AM de Lisboa e da distrital do PSD, Paula Teixeira da Cruz.
Todos os restantes partidos consideram a situação da Câmara insustentável. O presidente da concelhia do PS, Miguel Coelho, defendeu a realização de eleições intercalares para resolver a crise em que encontra a Câmara da capital: "Pedimos ao PSD que liberte a cidade de Lisboa da crise em que se encontra", afirmou.
Francisco Louçã reafirmou que a crise só se resolve com eleições intercalares. "Trata-se de uma derrocada. Os escândalos na maioria que já não é maioria PSD/CDS-PP (...) um executivo que não governa e um presidente que não preside exigem a solução, tranquilamente democrática, de haver eleições para que os lisboetas decidam sobre o futuro da cidade" declarou Francisco Louçã.

Carmona Rodrigues reiterou na noite de 6ª feira que "continuam preenchidas as condições de governabilidade", tal como tinha afirmado à tarde quando apoiou a primeira decisão de Fontão de Carvalho de não suspender o mandato. No dia 29 de Janeiro, Carmona Rodrigues tinha admitido demitir-se se o vice-presidente fosse constituído arguido. Afinal na altura já era mesmo arguido, mas sonegou essa informação aos lisboetas, à Câmara e até ao partido que o elegeu.

A situação da Câmara Municipal continua a degradar-se sob todos os pontos de vista, tendo o vereador do PS Dias Batista alertado para a gravidade da situação financeira.

Notícias anteriores no Esquerda.net:

Crise na CML: PSD retira apoio a Fontão de Carvalho

Carmona Rodrigues declara que a direcção do PSD apoia Fontão de Carvalho

Crise na CML: Fontão de Carvalho diz que se mantém com o apoio de Carmona Rodrigues

Fontão de Carvalho acusado de peculato

EPUL, prémios indevidos a administradores

Dossier: Escândalos na Câmara de Lisboa

Termos relacionados Política