You are here

Add new comment

Gosto da carta aberta e adoraria que houvesse, associada à mesma, uma petição pública junto da AR e do Governo... à qual pudéssemos acrescentar também a nossa assinatura!

Não haverá por aí no BE alguém que esteja disponível para apoiar uma coisa dessas? Há uns bons aninhos que não se faz um movimento pró-canábis, os tempos mudaram, e talvez seja a altura de rever os (bons) exemplos dos mercados liberalizados e fazer o mesmo que estes...

Nota: não sou consumidora de canábis... a minha onda é mesmo o tabaco :-) — mas sou 100% a favor da liberalização do consumo responsável de canábis e outras substâncias para quem as quiser; não deve ser o Estado a impôr a «moralidade» aos seus cidadãos, mas sim regular um mercado, expulsando os agentes ilegais do mesmo, taxando os (futuros) agentes legais, e, com isso, arrecadar receita para campanhas de sensibilização, apoio à toxicodependência, etc. etc.