You are here

Add new comment

O artigo não só é esclarecedor quanto aos mecanismos de tarificação em uso como a medidas para repor alguma justiça e racionalidade nos custos a suportar pelos consumidores. Recorde-se que algumas actividades económicas já identificam os custos da energia como factores de bloqueio ao seu desenvolvimento e competitividade. E para os consumidores individuais a tarificação da energia acaba por funcionar como um aumento da fiscalidade que lhes retira poder de compra. Deixaria uma sugestão quanto à produção de energia de fonte solar, cujos custos observaram reduções muito significativas nas propostas das entidades que se propuseram instalar novas centrais. Porque não facilitar as concessões e liberalizar os preços?