You are here

Add new comment

O encontro de hoje (02/08) dos Presidentes do Brasil e Portugal, é uma vergonha para Portugal, para o Presidente deste país e seu governo. Marcelo estava de máscara? Antes lhe cobrisse o rosto inteiro. Depois do almoço profere frases sibilinas, para se demarcar de um Presidente que prepara um golpe contra a democracia. Isso é uma atitude de cobardia política. Assuma que foi almoçar com um genocida. Tudo isso para agradar a comunidade portuguesa dos negócios no Brasil, um bando de corruptos criminosos, como o Jacob Barata, dono das maiores frotas de ónibus no Rio, ou aquele outro ex-proprietário de uma companhia aérea que mandou matar o genro, sem nunca ser incomodado pela justiça. O que o Presidente espera dessa gente? Que negócios é que alguma vez houve entre Portugal e o Brasil além do azeite e do vinho e mais umas bravatas com a da Oi que justifiquem esta humilhação? Como português que vivi e trabalhei anos no Brasil , sinto vergonha pelo papel a que a democracia portuguesa se presta. E não sei como o Antonio Costa, filho de quem é, acoberta diante a abjeção do seu Ministro de Estado Santos Silva.