You are here

Add new comment

Caro J.M.Pureza. O último paragrafo do seu artigo define de forma fina e acutilante e real papel do P.R. na atual conjuntura.
Porem não deixa de ser verdade que os afetos do Marcelo causam alguma urticária à direita extremista do PSD (saudades do cavaco), que não lhe compreendem a subtileza. Os Montenegros, os Amorins, os Hugos Soares (este então é labrego até mais não) andam mortinhos para impor uma política "nova" estilo Bolsonaro. Estava a esquecer-me daquela eminência doutorada que escreve (eu ia dizer vomita) no JN às segundas feiras. Se estas tias andam tontas isso é bom. Algumas até já saltam fora. Outras mais ambiciosas ficam dentro a dar facadas. O Rui Rio está quilhado. Ele queria reconstituir um PSD Liberal democrático quanto baste, e só um pouco reaccionário. Esqueceu-se de um pequeno pormenor. É que o Sá Carneiro, deixou entrar lá para dentro todos os trastes da ANP/UN salazarista. Onde está então a direita populista à espera de oportunidade? É lá no PPD/PSD com grande inveja do CDS. Não tarda nada vamos ter o verdadeiro PPD tipo PP à espanhola onde se venera Franco.
Só ainda não percebi porque é que o Hugo Soares não defendeu uma estátua do Salazar a meio caminho da do Gomes da Costa e do Cónego Melo.