You are here

Add new comment

Não seria o caso da SOLIM contratar um advogado internacional , porque deve existir um órgão da União Europeia para assuntos ligados a defender os direitos de imigrantes ,porque só a UE para organizar e fazer cumprir a lei. Se tem 30 mil imigrantes em Lisboa , imagina quantos no Porto, e aqui a xenofobia é absurdo , eu mesma que já sou cidadã sofro preconceito ,e pior fica em cada órgão ,seja na Segurança social, CNAIM ou mesmo no Sef que acompanho imigrantes. Por isso creio que se todos unissem e contratassem um advogado para processar o SEF , seria manchetes intencionais e chamaria atenção para esse absurdo que esta destruindo famílias inteiras.