You are here

Add new comment

Caro Gil Lima,

Acho que a realidade respondeu por mim. Na sua primeira sessão, a Constituinte decdidiu que ia durar dois anos! Compare com a de Chávez, que em 6 meses escreveu a nova carta, ou com a de Portugal que escreveu as bases de um regime totalmente  novo em menos de um ano! Além disso, depois de aprovar a sua própria vigência, dedicou-se a demitir  a Procuradora-geral Luísa Ortega, algo que não parecem ser  as atribuições de uma Constituinte. O que o Gil presume em relação ao que a Constituinte quer aprovar ou não, nunca foi anunciado por Maduro quando a convocou a trouche-mouche. Podes ser o que diz, pode ser o oposto, quem sabe?

Quanto ao papel do imperialismo claro que é o de apoiar a oposição de direita e procurar de todas as formas substituir o governo de Maduro. Mas é por causa disso que temos de calar os desmandos deste governo? Leia este artigo e entenda o que o Madurismo fez à revolução bolivariana! Temos de engolir isto? Se houver tentativa de golpe de direita ou intervenção dos EUA, não hesitarei de estar ao lado do governo de Caracas, mas o único golpe que ocorreu até agora foi o golpe anticonstitucional de Maduro.

Um abraço