You are here

Add new comment

Acho que o respeito pela comunidade surda faz-se investindo na resolução do problema : a surdez.

As medidas que propõem fariam algum sentido há 50 anos atrás. Hoje faz mais sentido investir na cura.

Parte dos casos serão resolúveis com a generalização do uso de aparelhos, que ainda são ridiculamente caros, chegando a custar milhares de euros. É preciso pressão política a fim de diminuir drasticamente os preços das próteses.

Acho que faz sentido que o estado co-financie a pesquisa e o aperfeiçoamento dos ditos aparelhos (ou de terapias curativas), já que são um bem de utilidade pública. No entanto, não faz sentido que seja o estado a subsidiar preços exagerados praticados pelos produtores e/ou distribuidores.