You are here

Add new comment

Muito oportuno este comentário. Há um certo pudor em criticar a gentrificação destes lugares, como se eles fossem "por natureza" destinados a alguns. Neste caso, com o reforço de que conhecemos a natureza e origem financeira desta coleção, temos de exigir que permaneça como bem público e seja exposta em condições de efetiva fruição pela maioria. De nada vale chorar "a falta de comparência popular" nestes acontecimentos quando eles são realmente talhados, logo de início e logo nas regras de acesso, para uma fruição homogénea de certos grupos sociais, por muito altos que possam vir a ser os nºs da bilheteira. visitei e sei que há muita gente a entrar. o desejável é a diversidade social nesses entrantes. mais, é desejável e é obrigação de política cultural.