You are here

Add new comment

"Só a democracia e a recusa do ódio o podem vencer"

Concordo em absoluto.

Mas será que Mariana Mortágua defende a instauração da democracia na Síria?

Outros responsáveis do Bloco (por ex.: Marisa Matias) têm defendido o embargo do fornecimento de armas às partes em conflito... Evidentemente ninguém vai impedir a Rússia de fornecer o seu afilhado Assad, nem de bombardear indiscriminadamente as zonas controladas pela oposição, incluindo hospitais, mercados, população civil... portanto na prática o que estes comentadores defendem é a eliminação total da oposição ao regime Sírio.

Será preciso recordar que a contestação ao regime começou com manifestações pacíficas? E que só se tornou revolta armada depois de mais de 1000 civis terem sido chacinados, e dezenas de milhares presos e torturados pelo regime?

No ano passado um desertor do exército sírio forneceu à ONU 50.000 fotos de 11.000 prisioneiros torturados e mortos numa única prisão em Damasco. Reacção da comunidade internacional: Zero.

Segundo uma sondagem feita na Alemanha, 70% dos refugiados sírios fogem do Regime, apenas 8% fogem do Estado Islâmico... O Exército e milícias do regime Sírio massacraram mais de 350.000 civis em 5 anos de conflito, porque é que ninguém se preocupa com isso?

Porque o regime de Assad só massacra Sírios, portanto não há problema.