You are here

Add new comment

F. Louçã
Nada acrescentarei ao que disse sobre Luaty Beirão, concordando com tudo.
Apenas lembrar o que a maior parte das pessoas sabe. Que Angola é uma ditadura cleptocrata, dominada por elites restritas mas muito ricas, muito corruptas, "rapinando" grande parte dos recursos de um país muito rico, desde o petróleo aos diamantes, passando por muitos outros. Isto enquanto a maioria da população é pobre, passa fome, não tem condições de salubridade (com falta de água potável, convivendo com montes enormes de lixo à porta de casa - mesmo em Luanda - e esgotos a céu aberto), e são quase inexistentes os cuidados de saúde básicos, incluindo vacinação. Ao mais alto nível da corrupção, estão por exemplo o Presidente da República José Eduardo dos Santos e a sua filha "branqueadora de capitais" Isabel dos Santos, a mulher mais rica de África. Mas não é só a elite política que é corrupta ou equiparada. Generais dominam o sector da exploração dos diamantes. Outros personagens controlam a alta finança, a banca, o imobiliário, e o grande empresariado, para só falar dos exemplos mais gritantes.
Este tipo de gente, muito gananciosa e desumana, tudo fará para que nada mude. É por isso que põem as agressivas garras de fora, quando alguém os afronta.
Mas é preciso mudar mesmo, e rapidamente, a favor do povo em sentido amplo, incluindo a classe média muito fragilizada.
Cumprimentos,
Paulo Figueiredo