You are here

Add new comment

O artigo é bom e o seu autor, em parte, tem razão. O problema é esse mesmo: a razão não está toda do mesmo lado e o caminho que o Bloco de Esquerda está a fazer não é o caminho certo. Não se podem dar estes sinais de divisão, de desframentação, nem se pode trilhar este caminho que é exatamente o sentido contrário ao do que fez o Bloco uma força importante e significativa no panorama político português, na sociedade portuguesa. Muitas vezes se tem de fazer "das tripas coração", o PCP e todos nós, já engolimos muitos sapos... elefantes! O Bloco está numa perspetiva contracionista a caminho de um dogmatismo parecido aos dos grupos que fizeram história no ante e pós 25 de abril. Neste momento, em minha opinião, temos de fazer a redução ao mínimo denominador comum. Temos que convergir e não divergir. Temos que aceitar e não excluir.