You are here

Add new comment

É no mínimo extremista.
O artigo aponta a série, a televisiva e a dos livros, como se fosse algo enviando diretamente pelo próprio demo. As vezes temos de lembrar que nem toda forma de cultura\arte\entretenimento tem de vir com uma moral no final. Certas coisas são o que são e não adiante impor uma censura a isso. Violência existe e existiu hoje e na idade média, mesmo fora da fantasia de George. A série tem censura e já somos bem grandinhos para compreender que a vida não é cor de rosa, perfeita e magnífica, como pensava Sansa Stark quando era ainda criança inocente.