You are here

Add new comment

Estudei na FEUP, quando entrei na faculdade nunca imaginaria que algum tipo mais pequeno que eu me falasse alto, nem sequer ao ouvido. Nas praxes da FEUP posso garantir que nao havia violência, nao havia maus tratos nem incompreensão, só quem nao fez o percurso pode ter uma visão deturpada. Sempre fui ate onde quis ir, nunca fui obrigado a nada. Agora, lobos e ovelhas haverá sempre em qualquer situação, no meco nao eram caloiros, eram pessoas que sabiam ao que iam e entraram na brincadeira, um dia iam fazer o mesmo a outros colegas, porque iam adorar a experiência. O problema é que correu muito mal, foi triste. Podia ter acontecido numas ferias quaisquer, numa brincadeira de amigos. Ha sem duvida que investigar mas chamar à causa de praxe é arranjar uma explicação errada para caso,na memoria ficará sem duvida que nao se pode andar a fazer rituais junto ao mar, precipícios, nao se pode brincar com coisas serias!!!