You are here

Add new comment

Na verdade teremos de repensar nas prioridades na concessão de crédito ou de gratuituidade de investimento TANTO a: 1) pessoas 2)instituições enpresas (publicas e privadas) Tais regras só pode ser deterninadas se forem referendadas , pelo que a democracia directa (e sondagens ) serão dois mecanismos que possibilitarão conhecer os DESEJOS DAS POPULAÇOES ! Deveremos referendar todos os sectores se serviços : Saude transportes publicos ,cultura. educação, alimentacao ,habitacao etc etc !! E isso é meio caminho andado para descobrir o SER HUMANO e os seus propositos em torno da SOCIEDADE que o integra.De facto, o modo de fazer Politica tem vindo a ser muito redutora centrando-se em reflexoes sobre o PIB exportaçoes importações Divida Externa-- PAREEEEEEEEEEMOS !!!Não! A Politica tem de ser muito mais que isso !