You are here

Add new comment

Para compreender a lógica subjacente ao que se está a passar não chega indignação! É preciso compreender que a construção europeia está viciada na base, está direccionada para a construção de um super grande estado «Europa», de que a moeda única seria o sinal precursor e o fermento iniciador. Isso é evidentemente uma impossibilidade, pois não pode haver moeda única, uma prerrogativa DE ESTADO SOBERANO, com 17 economias separadas por legislações diversas e em concorrência, logo, numa espiral descendente de direitos e garantias do trabalho para obter a benesse de instalação desta ou daquela indústria. Foi a capitulação de uma esquerda, dita anti-capitalista, mas complexada com medo de ser chamada de nacionalista, etc, que viabilizou a ditadura neoliberal na UE...Gostava de ver a esquerda autocriticar-se, pois só assim terá capacidade de renovar-se a todos os níveis; discurso, propostas e acções!