You are here

Add new comment

Eu não concordo, ela foi uma mulher extraoridinária que não estava loá para defender mulheres. Estava lá para judar o país, algo que fez antes das pessoas usarem a ganância. Podia aproveitado o seu lugar para defender os direitos das mulheres mas não o fez, mas isso já não se pode mudar.
Em relação ao filme, que vi ontem, não encontrei nadda que condizesse que ela era FEMINISTA.
A guerra das malvinas não foi para aumetar o seu estatuto de popularidade mas sim para ficar com o que pertencia a inglaterra.