You are here

Add new comment

Concordo com a sua atenta e generalista análise à lei, que vai deteriorar injustamente as condições de muitas famílias, mas admite ou não que há também senhorios pobres a receber rendas miseráveis (por exemplo: 20 euros) enquanto os seus inquilinos se pavoneiam em vidas faustosas, até com segundas casas de campo, postas em nome dos filhos para não perderem o privilégio? Conheço vários casos de médicos e juizes nessas condições.