You are here

Teatro da Cidade sobe ao palco com peça de Camus

O grupo Teatro da Cidade estreia-se esta quarta-feira, no Teatro do Bairro Alto, com a peça “Os Justos”, de Albert Camus.
Albert Camus

A apresentação do Teatro da Cidade, no palco habitual da Cornucópia, partiu de um convite deste grupo, liderado pelo encenador Luís Miguel Cintra, visando um acompanhamento artístico do trabalho daquele coletivo recentemente formado.

Em comunicado, a Cornucópia refere que “no seguimento do contacto com um grupo de jovens atores recém-formados, mas que já há dois anos têm vindo a trabalhar regularmente no Teatro da Cornucópia, surgiu o desejo de acompanhamento artístico do trabalho por eles realizado”.

“Assim não somente nos propusemos a apresentar o resultado da sua iniciativa, como procedemos a uma cedência deste espaço e da nossa estrutura" para o desenvolvimento do projeto, por forma "a viabilizar a possibilidade de criação de um grupo de jovens atores que desejam trabalhar em torno de um projeto comum”, sublinha aquela companhia teatral.

Refletir a condição humana

O Teatro da Cidade foi constituído no ano passado por Bernardo Souto, Guilherme Gomes, João Reixa, Nídia Roque e Rita Cabaço, após terem terminado a licenciatura na Escola Superior de Teatro e Cinema, em Lisboa.

“Passado um ano, e com a consciência mais clara da identidade do grupo”, estreia na quarta-feira “Os Justos”, de Albert Camus, segundo tradução de António Quadros, com um elenco que, além dos fundadores, inclui André Pardal e Ricardo Alas.

o espetáculo surge como uma oportunidade para refletir a condição humana, ética e política.

Para o Teatro da Cidade, a companhia de Luís Miguel Cintra e Cristina Reis “é não só uma importante referência, como tem um papel fundamental na formação deste grupo”.

Quanto à escolha do texto “prende-se com a qualidade humanista do pensamento ‘camusiano’ ”, referem os elementos do Teatro da Cidade, sublinhando que, desta forma, “o espetáculo surge como uma oportunidade para refletir a condição humana, ética e política".

A peça " Os Justos" ficará em cena até 10 de abril.

Termos relacionados Cultura
(...)