You are here

SOS Racismo condena declarações racistas de Fábio Coentrão

A associação considera “inaceitáveis” as declarações racistas atribuídas ao jogador do Sporting Fábio Coentrão, supostamente proferidas durante a meia-final da Taça da Liga, no encontro com o FC Porto, e tendo como alvo Moussa Marega.
“Vários vídeos sem som, com legendas, circulam nas redes sociais, mostrando Fábio a dirigir-se ao Marega em termos insultuosos e racistas”, alega o SOS Racismo.
“Vários vídeos sem som, com legendas, circulam nas redes sociais, mostrando Fábio a dirigir-se ao Marega em termos insultuosos e racistas”, alega o SOS Racismo.

No passado dia 24 de Janeiro, durante o jogo das meias finais da Taça da Liga, entre o Futebol Clube do Porto e o Sporting Clube de Portugal, no rescaldo de uma falta após uma disputa de bola, o jogador do Sporting Fábio Coentrão terá proferido insultos racistas contra o Moussa Marega. 

“Vários vídeos sem som, com legendas, circulam nas redes sociais, mostrando Fábio a dirigir-se ao Marega em termos insultuosos e racistas”, contextualiza a associação, num comunicado de imprensa divulgado este sábado.

O SOS Racismo exige “bom senso e sentido de responsabilidade” dos diferentes atores sociais “que gozam de grande notoriedade pública e capacidade de influência social para não sedimentarem preconceitos, alimentar estereótipos e legitimar o racismo”.

No comunicado, o SOS informa que “irá obviamente apresentar a competente participação à Comissão para a Igualdade e Contra a Discriminação Racial contra Fábio Coentrão” e também solicitar reuniões com a Federação Portuguesa de Futebol, a Liga de Clubes e outras organizações.

O comunicado completo está disponível aqui.

Termos relacionados Sociedade
(...)