You are here

Morreu Fernando Ka

Morreu o presidente da Associação Guineense. Fernando Ka foi um dos pioneiros da luta pelos direitos dos imigrantes em Portugal.

O site do “Publico” noticiou na noite desta quinta-feira, 10 de dezembro de 2015, o falecimento de Fernando Ka, na passada quarta-feira devido a paragem respiratória.

Fernando Ka era presidente da Associação Guineense de Solidariedade Social – Aguinenso e foi deputado do Partido Socialista, entre 1991 e 1995.

Sendo um dos iniciadores da luta pelos direitos dos imigrantes em Portugal, Fernando Ka participou ativamente em todos os debates sobre a imigração na sociedade portuguesa, foi também um ativo combatente nas lutas contra o racismo e contra a segregação das pessoas da comunidade negra.

Em 2005, Fernando Ka, num artigo publicado no jornal “Público” criticava os anteriores governos de PS e PSD, apontando que “a imigração e as minorias étnicas nacionais nunca fizeram parte da agenda política” desses sucessivos governos.

Em artigo publicado no jornal “Público” em 28 de novembro passado, o Presidente da Associação Guineense saudava a nomeação de “um membro da comunidade negra” para o elenco governativo, referindo-se a Francisca Van Dunen, ministra da Justiça do atual governo. Nesse artigo, apontava: “Portugal não pode continuar a fazer de conta que a integração está feita e nada mais há para fazer, ludibriando os incautos de que é o melhor país da integração no contexto europeu. A integração não pode ser confundida com a tolerância de encolher os ombros, sinal de deixa-estar”.

O velório de Fernando Ka irá decorrer na Igreja Nossa Senhora de Fátima, em Lisboa, durante este fim de semana.

Termos relacionados Sociedade
(...)