You are here

Milhares em Londres a favor de Jeremy Corbyn

Cerca de dez mil manifestantantes estiveram nas ruas de Londres protestando a tentativa de revolta contra a liderança de Jeremy Corbyn, que está a ser levada a cabo pela ala conservadora do Partido Trabalhista.
Protesto em Londres, a favor de Jeremy Corbyn. Foto do facebook de Left Unity.

Esta terça-feira cerca de 10 mil pessoas manifestaram-se em Londres a favor de Jeremy Corbyn. O protesto foi convocado com menos de 24h de antecedência pelo "Labour network Momentum", em defesa do líder trabalhista, perante a tentativa de golpe dentro do próprio partido.

Na sequência do resultado do referendo sobre a saída do Reino Unido da União Europeia, a ala crítica do líder trabalhista britânico cresceu aceleradamente. Os membros do seu governo-sombra e deputados da bancada começaram a anunciar, desde a manhã de segunda-feira, a sua demissão, acusando  Corbyn de não unir o partido e de não ser uma alternativa ao Partido Conservador.

Corbyn, que foi eleito em setembro de 2015 líder do partido com quase 60% dos votos, nunca teve o apoio da ala mais conservadora, mas, por outro lado, continua a ser o líder incontestado para a base partidária e para os sindicatos ligados ao Partido Trabalhista. Corbyn já substituiu muitos dos nomes demissionários e garante que, mesmo que a revolta contra a sua liderança atinja os 50 deputados necessários para iniciar um novo processo de eleições internas, se irá recandidatar e, muito provavelmente, voltará a vencer.

A ação de hoje foi uma demonstração do apoio que continua a receber das bases do partido. Foi divulgada uma petição a favor da sua liderança que, em menos de um dia, teve mais de 200 mil assinaturas. Por sua vez, a ala conservadora do partido desde segunda-feira que está a ser muito criticada por se recusarem a aceitar o mandato de Corbyn.

Desde que foram divulgados os resultados do referendo, nas ruas do Reino Unido há uma tensão crescente e a polícia já anunciou um aumento de 57% nas queixas de incidentes racistas, nomeadamente agressões verbais e propaganda xenófoba que têm como alvo imigrantes e minorias étnicas. 

Artigos relacionados: 

Termos relacionados Brexit, Internacional
(...)