You are here

Marcha LGBT+ saiu à rua em Braga contra a invisibilidade e a violência

A cidade de Braga assistiu este sábado à 6ª Marcha pelos Direitos LGBT+, sob o lema “Cidade do Silêncio: chega de invisibilidades, basta de violências!”
Faixa do Bloco na VI Marcha dos Direitos LGBT+ em Braga.

Centenas de pessoas participaram na sexta edição da Marcha pelos Direitos LGBT+, que procurou contrariar “com orgulho” a “vergonha imposta aos LGBTQI+ pelo silêncio da sociedade e contra a violência que ainda continua a persistir quando se mostram”, assina o texto do manifesto elaborado pelo coletivo Braga Fora do Armário, que se formou em 2013, após a primeira edição da marcha nesta cidade.

“Marchamos nas ruas porque nelas fomos escorraçados, espancados, presos, julgados, vistos como doentes e executados ao longo de séculos de História. Em ruas de muitos países ainda o somos”, lembra o manifesto da iniciativa.

“Os direitos são frutos das nossas lutas diárias e da nossa afirmação. Continuaremos a afirmar as nossas identidades, a denunciar publicamente todas as formas de preconceito, a lutar por direitos ainda não conquistados e exigir medidas governamentais para uma maior consciência pública”, conclui o manifesto.

O deputado bloquista Pedro Soares desfilou com a delegação do Bloco de Esquerda nesta marcha que percorreu o centro da cidade a partir do Arco da Porta Nova, passando pela Sé, a Câmara Municipal, terminando numa concentração na Praça da República.

 

Termos relacionados Sociedade
(...)