You are here

Juiz Neto de Moura processa Catarina Martins

Segundo avança a TSF, o advogado de Neto de Moura, Ricardo Serrano Vieira, confirmou a intenção de entregar a ação contra a coordenadora do Bloco até ao final do ano. Já era pública a intenção do juiz da Relação de processar também a deputada bloquista Mariana Mortágua.
Juiz Neto de Moura vai apresentar uma ação contra Catarina Martins até ao final do ano.
Juiz Neto de Moura vai apresentar uma ação contra Catarina Martins até ao final do ano.

No início de março, o advogado do juiz Neto de Moura anunciou que iria processar quem o criticou publicamente, nomeadamente a deputada bloquista Mariana Mortágua. 


Ler também: Decisões de Neto Moura são “um insulto a todos os magistrados deste século”


À época, a coordenadora do Bloco de Esquerda afirmou que o juiz teria de “processar a maioria do país, porque neste país as pessoas sabem que a violência doméstica é um crime e as sentenças do juiz Neto de Moura tentam legitimar e atenuar a violência doméstica, humilhando mulheres, e isso é inaceitável".

A TSF avança agora que Catarina Martins também será processada e que as ações serão entregues até ao final do ano, apesar de existir um prazo de até três anos para interpor este tipo de processos.  

Os acórdãos do juiz Neto de Moura sobre violência doméstica geraram uma onda de críticas e indignação. Entretanto, a sua intenção de processar quem o criticou inflamou as críticas ao juiz, que da violência de género se passaram a estender à liberdade de expressão.


Ler também: Neto de Moura: intenção de processar críticos aumenta onda de contestação


A par de Catarina Martins, o humorista Diogo Batáguas também passou a figurar a lista de personalidades que serão processadas pelo juiz da Relação do Porto Neto de Moura.

Termos relacionados Política
(...)