You are here

Francisco Assis: “A minha candidatura é evidentemente do Bloco Central”

Francisco Assis afirmou esta segunda-feira, em declarações à agência Lusa, que a sua candidatura pelo PS ao Parlamento Europeu representará “o Bloco Central”.
“Num momento em que a direita destrói o país, Francisco Assis tem atacado os partidos à sua esquerda”, recordou o dirigente do Bloco José Gusmão.

Francisco Assis falava aos jornalistas no final do primeiro dia das Jornadas Parlamentares do PS, depois de confrontado com a acusação do Bloco de Esquerda de que a sua candidatura se identifica com o espírito político do bloco central" PS/PSD.

“A minha candidatura é evidentemente do bloco central”, e, por mais irónico e contraditório que possa parecer, “estruturante da esquerda portuguesa”, acrescentou o candidato do Partido Socialista.

O deputado eleito pelo círculo eleitoral do Porto e ex-líder parlamentar foi anunciado cabeça de lista no domingo por António José Seguro.

“Registamos que António José Seguro escolheu para ser a voz do PS nas próximas eleições europeias uma pessoa que é conhecida por todo o país por defender o Bloco Central, ou seja, por defender que o PS faça um acordo com aqueles que têm governado o país para que se continue a implementar políticas de austeridade nos próximos anos”, assinalou o dirigente bloquista José Gusmão em reação à apresentação de Assis, que lembrou ainda o esforço do agora candidato do PS em responsabilizar a esquerda “pelo estado a que o país chegou” nas suas intervenções públicas recentes.

“Num momento em que a direita destrói o país, Francisco Assis tem atacado os partidos à sua esquerda”, concluiu o dirigente do Bloco.

Artigos relacionados: 

Termos relacionados Política
(...)