You are here

Direita chumba coadoção

Foto retirada do site amplos.pt

A coadoção de crianças por casais do mesmo sexo foi chumbada por 112 votos da direita (89 do PSD e 23 do CDS-PP). A favor, votaram 107 deputados e deputadas, verificando-se 5 abstenções.

A proposta do PS não chegou a ter votação global, uma vez que todos os pontos que continha foram chumbados.

A favor do projeto de lei votaram 69 deputados do PS, 13 do PCP, 8 do Bloco, 2 do PEV e ainda 15 do PSD, havendo 4 abstenções.

Segundo a Lusa, os 15 deputados do PSD que votaram a favor são: Luís Meneses, Miguel Frasquilho, Teresa Leal Coelho, Mónica Ferro, Nuno Encarnação, Francisca Almeida, Cristovão Norte, Paula Cardoso, Ângela Guerra, Ana Oliveira, Joana Barata Lopes, Gabriel Goucha, Odete Silva, Sérgio Azevedo e Pedro Pinto.

2 deputadas do PSD (Conceição Caldeira, Maria José Castelo Branco) e 2 do PS abstiveram-se (João Portugal e Isabel Oneto). Na votação de três normas relativas aos requisitos da coadopção, o deputado do PSD João Prata absteve-se e depois votou contra.

À votação faltaram 6 deputados dos 230 – houve 223 votos e a presidente da AR não votou. Ainda segundo a Lusa, faltaram à votação: Mota Pinto (PSD); João Rebelo (CDS-PP), Maria de Belém Roseira, Paulo Pisco e António Braga (PS) e Paulo Sá do PCP. As deputadas e os deputados do Bloco e do PEV estiveram todos presentes.

Artigos relacionados: 

Termos relacionados Política
Comentários (1)