You are here

Cheias: como o Louisiana se está a afundar

Entre 1932 e 2000, o Estado no sul dos Estados Unidos perdeu quase 3058 km quadrados de terreno, num processo de erosão costeira que, se nada for feito, levará à perda de mais 2816 km quadrados até 2064.
Cheias na cidade de Baton Rouge, capital do Estado do Louisiana. Foto do Departamento de Transporte e Desenvolvimento do Louisiana/EPA/Lusa.

De acordo com a agência governamental de Pesquisa Geológica dos Estados Unidos, entre 1932 e 2000, o Estado do Louisiana perdeu um pouco menos de 3058 km quadrados de terreno. O processo de erosão costeira continua e, se nada for feito, mais 2816 km quadrados irão desaparecer até 2064. A cada hora desaparece aproximadamente a área de um campo de futebol.

O mapa oficial do sul do Estado apresenta uma península em forma de bota, que já não representa uma versão precisa do território tal como ele é atualmente. Por esse motivo, Brett Anderson, na publicação Matter, em conjunto com Andrea Galinski, cientista de recursos costeiros na Autoridade para a Proteção e Restauração Costeira do Estado, decidiram fazer um novo mapa do Estado, com base nos dados mais recentes de erosão e cheias (o seu trabalho pode ser lido aqui e o mapa está em baixo).

Começaram por trabalhar sobre um mapa que incluía os terrenos não caminháveis e não habitáveis do Estado e consideraram as zonas pantanosas, em vias de submersão ou já submersas, como sendo água. A partir desses dados, recriaram o mapa da península a partir do ponto em que começa a terra firme.

O mapa resultante pode ser criticado por desconsiderar todo o território pantanoso e por não incluir algumas pequenas ilhas que realmente existem, mas os autores explicam que todos os mapas são aproximações e que a versão deles está mais próxima da realidade que o mapa oficial.

Representação do mapa do sul do Estado do Luisiana de acordo com a revista Matter on Medium.

Os autores do novo mapa esperam que o choque que este provoca, além de chamar a atenção para o efeito das alterações climáticas no aumento do nível médio da água dos oceanos, obrigue a ação em defesa do território e a uma reflexão aprofundada sobre tudo o que está em jogo no Estado do Luisiana.

Mapa da costa sul do Estado, com o território perdido entre 1937 e 2000 a laranja, do Louisiana Geological Survey.

Artigos relacionados: 

Termos relacionados Ambiente
(...)