You are here

Chaves: Quercus denuncia “descargas ilegais” de resíduos perigosos

A Quercus denunciou esta quinta-feira a existência de “descargas ilegais” de efluentes industriais diretamente para uma linha de água, cuja "responsabilidade" é do parque empresarial de Chaves.
Foto de Humberto Ferreira

Em comunicado aquela associação informa que as que as “descargas ilegais” em Outeiro Seco, Chaves, distrito de Vila Real, ocorrem desde 2007 e que os “esgotos são provenientes dos parques empresariais localizados no lugar de Vale Salgueiro, uma informação que diz ser do “conhecimento público”.

A Quercus refere que esta situação “constitui não só um atentado ambiental mas também um grave perigo à saúde pública” referindo que “os resíduos são, na maioria, produtos químicos industriais e vão diretamente para as linhas de água, terrenos e Rio Tâmega, à vista de todos”.

Saúde pública em perigo

No comunicado associação ambientalista frisa que“imagens recolhidas no passado dia 4 de setembro vieram provar que as autoridades competentes tais como a Câmara de Chaves e a Junta de Freguesia de Outeiro Seco, continuam a permitir o lançamento nas linhas de água e no Rio Tâmega, os esgotos sem qualquer tratamento há já nove anos”.

De acordo com Quercus esta situação foi comunicada à Comissão de Coordenação e Desenvolvimento Regional do Norte, à Agência Portuguesa do Ambiente e à Inspeção Geral dos Ministérios do Ambiente, Ordenamento do Território e Energia e da Agricultura e do Mar, mas “não houve qualquer resolução por parte destas entidades".

A organização reitera a exigência de uma “rápida resolução desta situação ilegal”, porquanto é um “problema que se arrasta há já vários anos e que tem vindo a comprometer a saúde pública e o ambiente”.

Termos relacionados Ambiente
(...)