You are here

Call centers: para reabrir “as condições não podem ser como antes”

A afirmação é do presidente do Sindicato dos Trabalhadores de Call Center (STCC). Estudos provam o que os profissionais reclamam: “ambiente de trabalho com grande densidade [de operadores] pode-se tornar um local de grande risco para a propagação da Covid-19 e potencialmente uma fonte de outras transmissões.
call center
Call Center, Richard Blank / Flickr

Na próxima 2ª feira, 4 de maio, inicia-se a retoma de várias atividades económicas após a passagem do Estado de Emergência ao Estado de Calamidade. Para as situações em que for possível prevê-se a manutenção do teletrabalho até ao final do mês. O Sindicato dos Trabalhadores de Call Center (STCC), através do seu presidente, Danilo Moreira, manifestou preocupação com o momento da retoma de atividade dos call centers, afirmando em entrevista ao jornal Público, que “as coisas não podem ser como antes” pois estes profissionais correm “riscos individuais” e também representam “um risco para a sociedade”, declarou o dirigente em entrevista ao jornal Público no dia 3 de Maio.

As condições de trabalho reais no interior dos call centers conflituam com as medidas preconizadas para a prevenção e proteção individual e da saúde pública neste momento de pandemia. “Há edifícios em que chegam a trabalhar mais de 1000 pessoas, a menos de um metro umas das outras”. O dirigente do STCC dá mais um exemplo: “quando regresso de almoço, é perfeitamente normal sentar-me noutra secretária, porque a minha já está ocupada”.

De facto, como demonstrou o estudo realizado na Coreia do Sul, num edifício com 19 andares e onde as autoridades atuaram atempadamente, em 922 pessoas examinadas, identificaram 97 pessoas infectadas, das quais mais de 90 trabalhavam no mesmo piso, o 11º, onde se localizava um call center. O portal Observador citou as seguintes conclusões do estudo: “este surto evidencia de forma alarmante que o SARS-CoV-2 pode ser tremendamente contagioso em contextos como um escritório repleto de pessoas, como um call center”; “a magnitude do surto ilustra como um ambiente de trabalho com grande densidade pode-se tornar um local de grande risco para a propagação da Covid-19 e potencialmente uma fonte de outras transmissões”.

Artigos relacionados: 

Termos relacionados Covid-19, Sociedade
(...)