You are here

“Cada dia em que se pode votar é um dia único para a democracia”

Marisa Matias disse esperar que, neste dia de eleições, ao votar, “toda a gente possa mesmo contribuir” e, dentro da cabine de voto “decidir pela sua vida, conscientemente”.
Foto de Paulo Novais/ Lusa

Marisa Matias exerceu o seu direito de voto pouco depois das 10h00, na Escola Secundária Avelar Brotero, em Coimbra. Mostrou-se “confiante” e “animada”, mas sublinhou que o importante é que “toda a gente possa vir votar e exercer o seu direito de voto”.

Para a candidata presidencial “todos os dias que se exerce a democracia são bons dias”, e afirmou esperar que esta campanha tenha servido para esclarecer as pessoas sobre todas as propostas existentes.

Questionada sobre a presença dos eleitores nas assembleias de voto, mostrou-se preocupada face aos níveis de abstenção elevados que estavam previstos, mas disse esperar igualmente que a campanha tenha sido mobilizadora o suficiente para levar os eleitores/as às urnas e reduzir a abstenção, que “espero que não seja tão elevada como a previsão inicial”.

“Se alguma coisa posso dizer, é que toda a gente venha votar”, frisou.

A noite eleitoral será passada no Porto, no Salão Jardim do Coliseu do Porto, a partir das 19h00, e será aberta à participação de todos/as.

Veja o evento no facebook.

Termos relacionados Marisa 2016, Política
(...)