You are here

50 anos das Novas Cartas Portuguesas: Celebrar e reinventar o feminismo

No próximo dia 8 de dezembro, no Porto, o Abril é Agora organiza a sessão "50 anos das Novas Cartas Portuguesas: Celebrar e reinventar o feminismo". A iniciativa decorrerá no Cinema Passos Manuel, e contará com uma conversa e a exibição do filme Novíssimas Cartas Portuguesas.

Pelas 10h30 terá lugar a conversa “Afinal onde estavam as mulheres?”, com Ana Gabriela Macedo, professora da Universidade do Minho, Cecília Honório, professora de história, e Luísa Sequeira, realizadora e encenadora.

Após o almoço, pelas 14h30, realizar-se-á a sessão “As ideias ‘chatas’ das feministas”, com a exibição do filme “Novíssimas Cartas Portuguesas” (45') de Irina Pampim e Cecília Honório. A apresentação estará a cargo de Andrea Peniche, ativista de A Coletiva, e Sara Barros Leitão, atriz, encenadora. Seguir-se-á um debate com a produtora Irina Pampim Silva, Cecília Honório e outros membros da equipa.

O documentário Novíssimas Cartas Portuguesas volta às protagonistas iniciais das Novas cartas Portuguesas com entrevistas inéditas a Maria Teresa Horta, Helena Neves ou Ana Campos e discute as novas fronteiras do que é ser mulher, entrevistando Rita Rato, Sara Barros Leitão, mulheres trans, mulheres negras e jovens.

Este trabalho estreou no Olhares do Mediterrâneo, Women's Film Fest com uma sessão especial comemorativa no Cinema São Jorge.

 

Termos relacionados Cultura
(...)