You are here

14 banqueiros ganharam mais de um milhão em 2015

Em Portugal, o número de banqueiros mais bem pagos tem estado a aumentar. Em 2013 sete banqueiros ganharam mais de um milhão. No ano seguinte, fá foram 10 e em 2015 o número duplicou, em relação a 2013, para 14.
Fernando Ulrich - Foto de António Cotrim/Lusa (arquivo)
Fernando Ulrich - Foto de António Cotrim/Lusa (arquivo)

Neste domingo, 5 de fevereiro, o Diário de Notícias e o Jornal de Notícias publicaram notícias com dados sobre os banqueiros mais bem pagos da Europa, segundo o "Report on high earners 2015" divulgado pela Autoridade Bancária Europeia (EBA, na sigla em inglês).

De acordo com esse relatório, 14 banqueiros ganharam mais de um milhão de euros, cada um, em 2015. Em 2014, foram 10 e no anterior (2013), tinham sido sete.

A remuneração média desses 14 banqueiros foi de 1,5 milhões de euros, incluindo salário fixo e remuneração variável. A remuneração fixa terá descido 32% em relação a 2014, devido às obrigações a que a banca foi sujeita devido à crise.

A nível europeu houve um total de 5.142 banqueiros a ganhar mais de um milhão de euros em 2015 e a remuneração média, nesse ano, foi de 1,98 milhões de euros.

Na Noruega, na Suécia e na Dinamarca (países com maior equilíbrio na distribuição do rendimento), a remuneração média dos banqueiros mais bem pagos, em 2015, foi de 1,411 milhões de euros, 1,435 milhões e 1,308 milhões respetivamente. Em Portugal foi de 1,518 milhões de euros e o banqueiro mais bem remunerado recebeu 3,55 milhões.

Termos relacionados Sociedade
(...)