Está aqui

Esquerda com Memória

A efémera RDA (República Popular de Almada)

Novembro 25, 2022

A República Popular de Almada era uma espécie de piada às tradições de luta do maior concelho da Margem Sul e que, ao mesmo tempo está próximo e distante do Terreiro do Paço.

1980: quando a ditadura prendeu Lula

Outubro 26, 2022

No momento em que a candidatura de Lula é a trincheira da defesa da liberdade e da democracia no Brasil, é útil recordar a sua luta contra uma ditadura que então defendia os interesses de uma oligarquia de mentalidade neoesclavagista, hoje desejosa de voltar aos velhos tempos. Por Álvaro Arranja.

Espetáculo "Naquele dia, não passou na televisão" estreia esta quarta-feira

Outubro 18, 2022

Dirigido por Joana Craveiro, o espetáculo, a ser exibido no Museu do Aljube, em Lisboa, até 21 de outubro, evoca a memória e a história do estudante José António Ribeiro Santos, assassinado pela PIDE-DGS. "Naquele dia, não passou na televisão" passará ainda pela Quinta Alegre - Lugar de Cultura entre 26 e 29 de outubro.

José António Ribeiro Santos e a geração dos anos 60/70 em Portugal

Outubro 11, 2022

O Esquerda.net reproduz neste artigo a intervenção de Fernando Rosas na sessão inaugural da Conferência Internacional “Resistência juvenil, ditaduras e políticas de memória.  O assassinato de Ribeiro Santos em 12 de Outubro de 1972”.

As crianças refugiadas da greve dos mineiros de Aljustrel em 1922

Outubro 10, 2022

Há cem anos, os mineiros de Aljustrel iniciaram uma greve prolongada contra a exploração e as más condições de trabalho. A fome obrigou à retirada de mais de 200 crianças, embarcadas em comboios pela CGT para serem acolhidas por famílias operárias de Lisboa, Beja e Barreiro. Por Paulo Eduardo Guimarães.

A Revolução Republicana de 5 de Outubro em Setúbal

Outubro 5, 2022

Na margem sul do Tejo (sobretudo em Almada, Barreiro, Moita e Setúbal) o advento do novo regime assumiu o carácter de uma verdadeira revolução popular, proclamando a República antes do seu triunfo definitivo na capital. Por Álvaro Arranja.

As mulheres na Comuna de Paris

Setembro 25, 2022

Durante os setenta e dois curtos dias - mas longos no seu alcance transformador – de duração da Comuna de Paris, as communardes ergueram-se, enfrentando, e mudando, as instituições e as relações de poder que as oprimiam. Por Mariana Carneiro.

Biblioteca pessoal de Ana de Castro Osório. Foto: Wikimedia Commons.

Colonialismo e xenofobia em Ana de Castro Osório

Setembro 24, 2022

A figura da feminista republicana que nasceu há 150 anos tem sido mais divulgada do que as feministas socialistas ou republicanas mais progressistas mas há contradições no pensamento e ação que devem ser escamoteadas. Por Luís Carvalho.

Eduardo Metzner retratado por Almada Negreiros [Diário de Lisboa, 20/02/1922, p.5]

Eduardo Metzner, fundador do PCP e tradutor de Trotsky

Setembro 18, 2022

“Anarquista comunista”, combateu a monarquia, foi crítico da República e analisou a revolução russa antes de morrer, há um século, aos 35 anos, vítima da tuberculose. Por Luís Carvalho.

Fausto Gonçalves.

O sindicalista Fausto Gonçalves e o jornal setubalense Alvorada

Agosto 27, 2022

Dirigente sindical dos empregados do comércio e da CGT nos anos 1920, Fausto Gonçalves dinamizou jornais sindicais e locais, tendo sido redator da revista da Casa do Alentejo, na qual se manteve durante 30 anos. Por Luís Carvalho.

Alguns dos 19 militantes que se renderam no aeroporto e depois foram fuzilados.

Há 50 anos, a ditadura argentina fuzilou 16 militantes de esquerda

Agosto 22, 2022

O massacre de Trelew é considerado o precursor da chamada Guerra Suja em que “desapareceram” milhares de pessoas e a tortura e a violência foram sistematicamente usadas para eliminar opositores.

Repressão franquista em Badajoz. Foto reproduzida do El Salto Diário.

A Legião espanhola continua a celebrar os crimes cometidos no massacre de Badajoz

Agosto 14, 2022

Este domingo faz 86 anos que cerca de 4.000 pessoas foram assassinadas pelas forças franquistas. A unidade Tercio Duque de Alba da Legião, que integrou o massacre e continua a fazer parte do exército espanhol, não mostra arrependimento e, pelo contrário, exalta-o ainda hoje na sua página.

Abdelkarim Al Khattabi.

“Che” Abdelkrim: o Leão do Rif

Agosto 7, 2022

A revolta dos camponeses do Rif é a primeira centelha da revolta dos povos colonizados da época. Abdelkrim tentou organizar os territórios libertados, apesar da hostilidade de dois exércitos imperialistas e da utilização de todo o tipo de armas sofisticadas, incluindo armas químicas. Por Hamadi Aouina.

José da Silva Santos Arranha por volta de 1910. Foto do arquivo do Movimento Social Crítico e Alternativo.

Santos Arranha, secretário-geral da CGT: memórias da guerra e da Revolução Russa

Agosto 7, 2022

Operário marceneiro, foi dirigente da Confederação Geral do Trabalho e diretor do jornal A Batalha. Foi sete vezes prisioneiro político e permaneceu socialista-libertário até à sua morte que aconteceu há 60 anos. Por Luís Carvalho.

Estátua comemorativa do movimento de 1842 em Preston. Foto de Andrew Gritt/Wikimedia Commons.

Há 180 anos, os trabalhadores britânicos faziam a primeira greve geral

Agosto 4, 2022

Ao longo das primeiras duas semanas de agosto de 1842, a onda grevista envolveu cerca de meio milhão de trabalhadores. As mulheres estiveram no coração da luta e muitos relatos de então descreveram a sua tenacidade e coragem. A repressão que se seguiu não teve precedentes no século XIX. Por Judy Cox.

Ana de Castro Osório e a educação no combate à subalternidade das mulheres

Junho 18, 2022

Nos 150 anos do nascimento desta feminista, ativista, escritora, jornalista, editora e conferencista, destacamos o seu papel pioneiro da literatura infantil em Portugal. Artigo de Ana Alcântara.

Exposição sobre a Biblioteca da Censura, Biblioteca Nacional, 3 de maio a 3 de setembro de 2022

Da censura de Estado à criminalização: a violência e o medo

Junho 5, 2022

O Estado Novo quis impor um molde cultural e político durante os 48 anos da sua existência: os criadores e as criadoras (...) ousaram confrontá-lo, escolhendo essa forma de resistir. Merecem a nossa homenagem pela sua contribuição para a nossa cultura e para a democracia. Por Miriam Halpern Pereira.

O 17 de fevereiro de 1934: A morte do operário conserveiro Fernando Pedro Gil

Junho 4, 2022

Ao longo das duas semanas seguintes, o operariado não recebeu a quantia que lhe era devida, protestando duramente no dia 17 de fevereiro de 1934. Segundo o Avante! clandestino, cerca de 4 mil trabalhadores participaram nas manifestações. Por Diogo Ferreira.

Maio de 68 foi, de facto, a “minha” revolução

Maio 29, 2022

As repercussões de Maio de 68 no meu percurso individual foram profundas. Tratou-se de uma ruptura violenta e radical. De tal modo que penso que posso dividir os 10 anos do meu exílio em duas épocas distintas: o antes e o depois de Maio. Por Helena Cabeçadas.

Fernando Rosas coordena a mais recente historiografia da Revolução

Maio 23, 2022

"Revolução Portuguesa 1974-1975", editado pela Tinta da China, reúne “as mais recentes contribuições historiográficas sobre as várias vertentes do processo revolucionário”. O lançamento contou com intervenções de três dos seus autores: Fernando Rosas, Maria Inácia Rezola e Fernando Oliveira Baptista.

Relato de uma viagem no tempo e no espaço pela Lisboa Operária

Maio 4, 2022

Raimundo Santos guiou-nos através de uma viagem no tempo e no espaço pela Lisboa Operária na zona oriental da capital. A iniciativa, inserida no programa “Abril é Agora”, transportou-nos para uma realidade cuja memória muitos continuam a tentar apagar. Artigo publicado em Abril é Agora.

A Revolução de Abril na imprensa italiana

Abril 24, 2022

Por singular coincidência, no dia 25 de Abril, em Itália, comemora-se o derrube definitivo do fascismo de Mussolini, em 1945. Por isso, na imprensa italiana de 26 de Abril de 1974, surge uma inevitável ligação entre os dois acontecimentos. Por Álvaro Arranja.

International Workers Branch: um sindicato de imigrantes

Março 13, 2022

Sacuntala de Miranda, ex-exilada política portuguesa em Londres, foi uma das fundadoras, em 1971/1972, deste sindicato, que albergava trabalhadores imigrantes de todas as nacionalidades. O Esquerda.net transcreve o artigo da historiadora e combatente pela Liberdade, datado de maio de 2002, sobre esta experiência.

 

Independência do Haiti: Culminar de um processo revolucionário de emancipação dos escravos

Março 13, 2022

A 1 de janeiro de 1804 nasceu a primeira República Negra da História da humanidade. Mas a Revolução dos Escravos de São Domingos, contra a desumanidade e a barbárie da escravatura e do colonialismo, continua a ser condenada ao silenciamento. Por Mariana Carneiro.

Du Bois, o sociólogo antirracista

Fevereiro 23, 2022

Para W. E. B. Du Bois  (23 de fevereiro de 1868 - 27 de agosto de 1963), a questão racial era central na investigação e na luta social e política. Travou a luta pela emancipação do povo negro quer nos EUA, quer à escala internacional. Por Bruno Góis.