Está aqui

Mariana Mortágua

Deputada. Dirigente do Bloco de Esquerda. Economista.

Artigos do Autor(a)

19 de Janeiro, 2020 - 10:49h

Existem todas as razões para reforçar as medidas destinadas a limitar as práticas abusivas da Banca (privada mas também, e especialmente, pública) e aumentar a transparência.

7 de Janeiro, 2020 - 23:09h

A política de Trump é o casamento perfeito entre o oportunismo eleitoral e a absoluta irresponsabilidade na condução da política externa.

4 de Janeiro, 2020 - 15:21h

Quando ouvir o Governo dizer que não há margem para descer IVA da luz, investir em equipamentos do SNS ou reforçar programas de habitação, lembre-se que nunca ouviu esse argumento quando se trata de injetar dinheiro na Banca.

26 de Dezembro, 2019 - 20:59h

Na mesa das negociações, o Bloco propôs que, caso a Comissão não aceite a descida por escalões, o IVA da luz deve descer da mesma forma para todos.

19 de Dezembro, 2019 - 22:32h

André Ventura chegou ao Parlamento com um discurso simples e demagógico contra o "sistema", mas sem nunca avançar muito sobre o seu próprio programa.

14 de Dezembro, 2019 - 22:14h

Aos poucos a corrupção vai desviando recursos públicos, condicionando pequenas decisões políticas e grandes decisões de Estado, vai dando má fama à política e minando a confiança nas instituições públicas.

5 de Dezembro, 2019 - 16:07h

O sistema desenfreado que está a destruir o clima é o mesmo que produziu a crise financeira, que se alimenta da precariedade, que preda os serviços públicos e que não tem pejo em financiar e beneficiar da economia da guerra sem fim.

13 de Novembro, 2019 - 22:48h

Todos os dias chegam notícias de escolas fechadas, escolas que encerram mais cedo ou em que os serviços funcionam a meio gás, sem bar, biblioteca ou pavilhão desportivo.

9 de Novembro, 2019 - 18:38h

A edição de ontem do "Jornal de Notícias" trazia-nos os números do Banco de Portugal para as comissões bancárias cobradas no país: 40 mil milhões de euros desde 2007, o equivalente a 8,8 milhões de euros por dia.

31 de Outubro, 2019 - 00:16h

Dados recentes da Autoridade Tributária dizem-nos que estão identificados, em Portugal, 309 contribuintes com "elevada capacidade patrimonial", ou seja, que auferem mais de 5 milhões de euros anuais e/ou detêm património superior a 25 milhões de euros.

Páginas