Está aqui

José Castro

Jurista. Membro da Concelhia do Porto do Bloco de Esquerda

Artigos do Autor(a)

18 de Abril, 2015 - 02:47h

Ainda é possível parar a privatização da STCP e salvar o transporte público da destruição anunciada. O caminho a seguir pelos utentes dos transportes coletivos, pelos trabalhadores e suas organizações representativas, pelas forças de esquerda, é o da mobilização e exigência da manutenção da STCP na esfera pública. Por José Castro.

13 de Novembro, 2014 - 23:32h

Monitorizar o funcionamento de torres de arrefecimento e outros equipamentos custa dinheiro, reparar e substituir ainda mais. Corta. Uma inspeção a funcionar como devia ser, precisa de recursos financeiros e pessoal em número suficiente e qualificado. Corta.

28 de Outubro, 2014 - 23:38h

O anúncio dos testes do BCE e da Autoridade Bancária Europeia (ABE), que chumbaram apenas um banco com sede em Portugal, vai levar a múltiplas declarações sobre a “boa saúde” do sistema bancário. É mais um colossal embuste.

5 de Julho, 2014 - 21:57h

Apesar das enormes quantidades de dinheiro transferidos dos Estados e do BCE, os bancos continuam sem conceder crédito às atividades económicas produtivas. Como se chegou a tal situação?

11 de Junho, 2014 - 12:23h

Na vizinha Espanha, a publicação do livro de memórias de Zapatero, onde é divulgada a carta secreta de 5 de Agosto de 2011 do então presidente do BCE, tornou muito claro o projeto político que está a sufocar os povos da Europa.

22 de Maio, 2014 - 23:58h

Estes são os números do IRC pago por toda a banca nos últimos anos. Num país em que o montante do IRS arrecadado pelo fisco ainda é mais do dobro do IRC, os banqueiros continuam a não pagar a crise.

17 de Novembro, 2013 - 13:01h

A sentença do Tribunal Superior de Justiça da Galiza, onze anos após a catástrofe, provocou justa indignação. E coloca uma interrogação: afinal não há crimes contra o ambiente?

8 de Maio, 2013 - 14:10h

No Congresso do PS foi defendida a proposta de baixar os rácios de capital dos bancos. Para assim ser disponibilizado mais crédito às empresas, disse António José Seguro. À primeira vista, a proposta até parece ir na direção certa, mas não, apenas favorece os banqueiros.

24 de Janeiro, 2013 - 00:08h

O crescimento da dívida em dezasseis meses de governo PSD/CDS-PP (entre Julho de 2011 e Novembro de 2012) foi de 27.280 milhões de euros, mais de 1,7 mil milhões por mês, 56 milhões de euros/dia ou 2,3 milhões por hora.

13 de Dezembro, 2012 - 00:03h

40 milhões de euros por dia é quanto cresce a dívida pública desde Junho de 2011.

Páginas