Está aqui

Bruno Góis

Investigador. Mestre em Relações Internacionais. Doutorando em Antropologia. Ativista do coletivo feminista Por Todas Nós. Dirigente do Bloco de Esquerda.

Artigos do Autor(a)

10 de Maio, 2022 - 22:43h

Os povos da Europa estão à mercê das potências que a disputam e repartem. A nossa segurança e a nossa liberdade precisam de um espaço de paz e desenvolvimento, com padrões elevados de direitos do trabalho, com justiça social e climática.

17 de Março, 2022 - 17:03h

Condenar a invasão russa é evidente para quem reconhece a causa da emancipação nacional e vê na Federação Russa uma potência imperialista. Quem, perante a invasão russa, tem mais pressa em condenar outras potências imperialistas está a desconversar.

23 de Julho, 2020 - 22:01h

Quando existam processos de violência doméstica, os processos de regulação parental não lhes podem ser indiferentes. A proposta já foi feita e chumbada uma e outra vez. Do que é que estamos à espera para reconhecer as crianças como vítimas?

28 de Abril, 2020 - 12:48h

As portuguesas e os portugueses negros continuam a ter escolas, empregos e casas piores. Fazem maioritariamente parte dos trabalhadores mais pobres e é preciso assumir e atacar esse problema. Artigo de Bruno Góis, publicado na revista Esquerda.

16 de Outubro, 2017 - 14:04h

A partir da passada sexta-feira, 13 de outubro, as mulheres deviam poder entrar de férias até ao fim do ano.

5 de Maio, 2017 - 20:51h

The agreement of parliamentary majority between the Socialist Party and the left parties, signed after the 2015 election is not only unprecedented in the Portuguese democracy but arose from unique conditions as well. By Bruno Góis.

9 de Março, 2017 - 16:40h

Há quem considere que a paridade “menoriza as mulheres”. O que as menoriza é uma sociedade que impede mulheres qualificadas de darem o seu melhor, de ascenderem ao topo por uma mera questão de género.

5 de Agosto, 2016 - 23:35h

O Esquerda.net publica a introdução ao painel que o investigador e ativista político Bruno Góis irá apresentar no dia 27 de agosto, sábado, pelas 14h15, no Fórum Socialismo 2016, a ter lugar em Santa Maria da Feira.

1 de Junho, 2016 - 15:14h

Vender livros e atacar as esquerdas são dois objetivos nos quais JRS está tão empenhado que, pelo caminho, tem como vítimas principais o jornalismo, a inteligência e a própria cultura democrática.

25 de Maio, 2016 - 16:11h

O autor da ideia “como não há os livros que gostaria de ler, escrevo-os eu” voltou a brindar-nos com disparates. Desta vez a vítima da sua ignorância foi o marxismo e principalmente a cultura democrática.

Páginas