Está aqui

Sindicato Nacional dos Registos inicia semana de greve

O Sindicato Nacional dos Registos (SNR) inicia esta segunda-feira uma greve de quatro dias. O objetivo é reivindicar reformas em matérias como a revisão de carreiras, o estatuto remuneratório e a Lei Orgânica. O sindicato garante que os serviços mínimos estão garantidos.
Fotografia: SNR/Facebook
Fotografia: SNR/Facebook

O SNR reivindica a “regulamentação do ingresso e de ocupação dos postos de trabalho nas carreiras especiais de Conservador de Registos e de Oficial de Registos, regulamentação da formação profissional inicial específica e continua nas carreiras especiais de Conservador e de Oficial de Registos" e um “diploma com determinação do número de posições remuneratórias e identificação dos respetivos níveis remuneratórios”.

Em outubro de 2018, o SNR decretou que faria uma greve de três meses nos serviços do Instituto dos Registos e Notariado. Contudo, essa greve foi desmarcada porque a Procuradoria-Geral da República, após um pedido de parecer por parte do Ministério da Justiça, ter considerado que a paralisação era um movimento de protesto ilícito.

O sindicato afirma que irá garantir os serviços mínimos no decorrer da greve.

Termos relacionados Sociedade
(...)