Está aqui

Sertã: Irregularidades na instalação da freguesia do Carvalhal seguem para tribunal

O Bloco de Esquerda entregou uma participação ao Procurador-Adjunto do Tribunal Administrativo e Fiscal de Castelo Branco devido ao ato de instalação dos órgãos autárquicos da Freguesia do Carvalhal, na Sertã. Via Interior do Avesso.
Freguesia de Carvalhal, na Sertã.

No dia 15 de outubro, a freguesia do Carvalhal, no concelho da Sertã teve uma instalação atribulada: as opções apresentadas para a votação da lista do Executivo foram “Lista A” e “Branco”, tendo os resultados da votação sido quatro votos em branco e três votos na lista A.

O Bloco não concordou com esta situação visto “que o resultado nunca poderia ser dado como aprovado porque, de facto, o voto na lista A recolhe a minoria dos votos”.

Após ter feito participação do sucedido a vários organismos, a Comissão Nacional de Eleições (CNE) veio dar razão ao Bloco de Esquerda por considerar que “de acordo com o relatado, não se pode considerar conformada uma eleição em que os votantes não consigam expressar adequadamente a sua vontade, designadamente e ao caso, a de rejeitar a proposta que lhes foi presente”.

O Bloco de Esquerda decidiu avançar com o caso para tribunal e entregou, no dia 22 de novembro, uma participação no Tribunal Administrativo de Castelo Branco. 


Artigo publicado em Interior do Avesso.

Termos relacionados Política
(...)