Está aqui

São Paulo: Manifestação LGBT marcada por discurso anti-Bolsonaro

Este domingo, centenas de milhares de pessoas manifestaram-se em São Paulo. Foi uma das maiores marchas de orgulho LGBT do mundo e foi pautada por mensagens anti-Bolsonaro.
Fotografia: Twitter/MarceloFreixo
Fotografia: Twitter/MarceloFreixo

A principal avenida de São Paulo foi palco de atuações de artistas brasileiros enquanto os ativistas apelavam à resistência às políticas de Bolsonaro. Vários manifestantes tinham cartazes em que pediam a saída de Bolsonaro da presidência.

Muitos dos ativistas defende que a retória anti-gay de Bolsonaro incita a violência contra as pessoas LGBT. Entre muitas declarações homofóbicas, encontram-se aquela em que o presidente de extrema-direita afirmou que preferiria ter um filho morto do que um filho gay.

Este mês, o Supremo Tribunal do Brasil votou pela criminalização da discriminação contra homossexuais e transgéneros. Bolsonaro criticou a decisão, considerando-a “totalmente errada” e afirmando que esta iria “aprofundar as guerras de classe”. Foi ainda mais longe e afirmou que esta decisão iria prejudicar as pessoas LGBT, considerando que os empregadores estariam menos inclinados a contratar funcionários LGBT por medo de serem levados a tribunal por fazerem piadas.

Termos relacionados Internacional
(...)