Está aqui

PSD muda de voto e inviabiliza redução de mensalidades nas creches

De manhã era a favor. À tarde nem por isso. Com a sua mudança de voto, o PSD inviabilizou as propostas da esquerda sobre redução das mensalidades das creches para quem perdeu rendimentos. “Uma cambalhota lamentável”, diz Joana Mortágua.
Creche. Foto de Paulete Matos.
Creche. Foto de Paulete Matos.

Parecia que a proposta do Bloco de Esquerda sobre uma redução da mensalidade das creches proporcional à perda de rendimentos ia ser uma realidade. Na votação desta manhã, o PS estava contra mas o voto a favor do PSD garantia a aprovação.

Da parte da tarde o PSD mudou de ideias e as propostas do Bloco e do PCP foram afinal chumbadas com a abstenção daquele partido.

Recorde-se que o Bloco defendia uma redução da mensalidade das creches proporcional à perda de rendimentos para as famílias confrontadas com uma perda de rendimentos igual ou superior menos 20% desde que começou a pandemia.

Outra medida incluída na proposta era a que nenhuma criança perdesse vaga na creche por não conseguir pagar as mensalidades durante o período de confinamento recomendado ou obrigatório. Esta acabou por ser a única proposta a passar.

Fazia ainda parte do pacote a não cobrança de despesas de alimentação, transportes e prolongamentos durante o tempo em que estes não foram usados pelas crianças e um apoio estatal para pagamento das despesas de funcionamento e de salários dos funcionários das creches nesta fase excecional que seria condicional à empresa não despedir ou recorrer a lay-off.

Cambalhota lamentável

Joana Mortágua reagiu à mudança de sentido de voto do partido de direito dizendo que “apesar de já nos ter habituado a episódios como este, a cambalhota do PSD é lamentável”.

A deputada bloquista acrescenta que “esta é uma medida de emergência social de proteção das crianças” e que “o que o PSD acabou por chumbar é o direito as crianças a frequentar as creches mesmo quando as famílias não conseguiram pagar as mensalidades por causa da pandemia.”

Termos relacionados Política
(...)