Está aqui

Os perigos das privatizações na Saúde

Esta ideia de querer privatizar os cuidados de saúde primários é muito grave e deveria chamar a nossa atenção. Por Rui Tavares.
Foto de Paulete Matos.

O SNS foi uma das maiores conquistas do 25 de abril de 1976 e a ideia de querer privatizar tudo, que a solução é sempre as chamadas PPPs (Parcerias público-privadas) deixa-me bastante apreensivo e principalmente preocupado pois daqui a dois dias vamos estar completamente nas mãos dos privados e eles vão exigir tudo o que querem de nós e vão autenticamente fazer da saúde o negócio das vidas deles.

O Governo diz que nunca houve tanto Orçamento para a saúde como agora, mas esquece-se de dizer que 40% dessa verba vai direitinha para os grandes grupos da saúde, ou seja, praticamente metade. E este Orçamento do Estado dá mostras que o fim do SNS público e universal já esteve mais longe, e cada vez mais caminhamos para aquilo que é a visão dos liberais, que tem como modelo os Estados Unidos, onde quem tem dinheiro trata-se quem não tem fica a morrer às portas do Hospital. E já agora, deixo uma curiosidade, uma das maiores causas de falência nos Estados Unidos são as dividas gigantescas da saúde.

Eu tenho uma visão muito diferente do mundo. Acho sim, que os privados têm que existir e desempenhar o papel deles, aliás não é por acaso que concordei com a nova lei de Bases da saúde que diz que quando necessário há que contratualizar com os privados mas, considero que o Serviço Nacional de Saúde deve ter um papel predominante no nosso País, trabalhando em rede, com mais profissionais com carreiras dignas e justas e com mais condições e ferramentas de trabalho.

Por isso, mesmo com alguns problemas estruturais e de financiamento que precisam urgentemente de ser resolvidos, este é o único que não fecha a porta a ninguém.

Para terminar, deixo aqui um exemplo sobre o desastre das privatizações: em Faro os pacientes que precisam de fazer radioterapia e que não têm dinheiro para pagar no privado têm que se deslocar a Sevilha para fazer esse tratamento pois nessa área geográfica a radioterapia encontra-se toda privatizada. Aliás, no mar de privatizações que já fizeram gostava de saber alguma em que deu algum resultado prático/favorável para os utentes.

Rui Tavares - Santo Tirso

Termos relacionados Comunidade
(...)