Está aqui

ONU assinala Dia Internacional de Solidariedade com o Povo Palestiniano

António Guterres apelou ao compromisso de ajudar a Palestina a “alcançar os seus direitos inalienáveis e a construir um futuro de paz, de dignidade, de justiça e de segurança” e a agência para os refugiados na Palestina revelou que está sem dinheiro para prestar assistência.
Logotipo do dia Internacional de Solidariedade com o Povo Palestiniano.
Logotipo do dia Internacional de Solidariedade com o Povo Palestiniano.

Este domingo, dia 29 de novembro, é celebrado pela Organização das Nações Unidas o Dia Internacional de Solidariedade com o Povo Palestino. A data assinala a aprovação, em 1947, da Resolução 181 da Assembleia Geral desta organização que defendia a criação de dois Estados.

A ONU realizou vários atos culturais e nas redes sociais circularam as hashtags # Rights4Palestine e PalestineDay.

António Guterres, o seu secretário-geral, declarou a este propósito: “juntos, renovemos o compromisso que assumimos de ajudar o povo palestiniano a alcançar os seus direitos inalienáveis e a construir um futuro de paz, de dignidade, de justiça e de segurança”.

A UNRWA, a Agência das Nações Unidas de Assistência aos Refugiados da Palestina no Próximo Oriente, que presta ajuda a 5,4 milhões de refugiados da Palestina em todo o Oriente Médio, depende dos donativos dos Estados. Revelou que, depois do menor nível de contribuições desde 2012, ficou sem dinheiro sequer para pagar salários, apelando urgentemente à chegada de verbas face à “natureza inquietante das recorrentes crises financeiras para os refugiados palestinos, funcionários, anfitriões e Estados-membros” assistidos.

Termos relacionados Internacional
(...)