Está aqui

Metro de Lisboa em greve na manhã de terça-feira

Os trabalhadores do Metropolitano de Lisboa estão em greve parcial no dia 25 de maio, o que afetará a circulação do Metro até às 10h15. Em causa está a valorização salarial e das carreiras, progressões na carreira bem como o preenchimento do quadro operacional.
Metro de Lisboa em greve na terça-feira de manhã. Fotografia: Wiki Commons

No passado dia 5 de maio um plenário de trabalhadores do Metropolitano de Lisboa deliberou pela convocação de uma greve parcial para esta terça-feira, dia 25 de maio, convocada pela Federação dos Sindicatos dos Transportes e Comunicações (FECTRANS). A greve será das 5h00 às 9h30 para a generalidade dos trabalhadores e das 9h30 às 12h30 para quem trabalha nas áreas administrativas para os técnicos superiores.

O comunicado emitido na sequência deste plenário afirma que “os trabalhadores estarão unidos em torno das suas justas reivindicações”, designadamente “valorização das profissões, valorização dos salários, efetivação do direito ao transporte, estrito cumprimento de todas as cláusulas do Acordo de Empresa, pela prorrogação da vigência do Acordo de Empresa, pela melhoria do serviço público de transporte ao serviço da população.”

A circulação do metropolitano de Lisboa deverá ser totalmente restabelecida pelas 10h15 de terça-feira, dia 25 de maio. 

Termos relacionados Sociedade
(...)